A produção de um protótipo é uma das partes fundamentais do design de um produto, serviço ou projeto, tanto para o design thinking quanto para o design da experiência de usuário (famoso UX Design). O termo protótipo vem do grego Protos – que significa primeiro e Typos – que significa tipo; Portanto um protótipo é um primeiro tipo ou primeiro(a) modelo ou parte, que se situa nos estágios iniciais do desenvolvimento de um projeto, produto ou até mesmo de uma idéia.

Cap. Nascimento explica conceito de estratégia, do grego...
Cap. Nascimento explica conceito de estratégia, do grego…

 

Um protótipo é um modelo experimental simples, ou até mesmo bem elaborado, de um produto ou projeto para poder validar idéias, realizar testes com usuários, resolver dúvidas sobre o design ou funcionalidade de determinada funcionalidade ou visual de um modo rápido e barato – Aspectos fundamentais em desenvolvimento de produtos em larga escala ou até mesmo em sistemas complexos.

Criação de um protótipo Porsche.
Criação de um protótipo Porsche.

 

Esses protótipos podem assumir várias formas, porém tendo um ponto comum de que todos eles são formas tangíveis de uma idéia/projeto.

Dando um exemplo de um dos nossos trabalhos na Spartan Design, um protótipo é um layout para o website de um cliente, onde enviamos a ele imagens, interativas ou não, de como será o visual e a funcionalidade de seu produto final.

O designer ao testar esse protótipo com o cliente final pode validar idéias visuais, se elas agradam ou não e também sobre determinadas funcionalidades de áreas específicas do negócio do mesmo. Além disso ao demonstrar o protótipo para seu desenvolvedor, ambos podem validar as funcionalidades complexas, se elas podem ser desenvolvidas ou não, em tempo hábil ou não, entre outras coisas.

 

Protótipos em geral podem ser de 2 tipos, ambos aplicados em tempos ou situações diferentes durante o desenvolvimento:

1 – Protótipo de baixa fidelidade

Exemplo de protótipo de baixa fidelidade.
Exemplo de protótipo de baixa fidelidade.

 

Protótipos de baixa fidelidade tem como objetivo serem feitos de forma rápida e  são utilizados geralmente em etapas muito iniciais de um projeto para validar premissas básicas sobre o mesmo. Algumas características que compõem um protótipo de baixa fidelidade:

2 – Protótipo de alta fidelidade

Exemplo de protótipo de alta fidelidade.
Exemplo de protótipo de alta fidelidade.

Os protótipos de alta fidelidade tem como objetivo se assemelhar o máximo possível com a solução final daquele projeto ou produto. O cliente pode por exemplo, fazer uso da aplicação, iniciando e finalizando determinada tarefa através de interações simples, a fim de validar as funcionalidades e visuais que serão aplicados. Esse tipo têm como principais características:

Esses tipos de protótipos são os mais comuns utilizados no desenvolvimento de websites, blogs, e-commerce, entre outros produtos que desenvolvemos aqui na Spartan Design, como podem ser vistos aqui, para identificar problemas e soluções com rapidez, sempre mensurando os resultados para que o produto final saia o mais correto possível. Atualmente aqui na Spartan Design trabalhamos com o Adobe XD, mas se você quer saber mais informações sobre essa e outras ferramentas para prototipação de websites e apps você pode acessar esse link.

Navegue em outros posts

Deixe o seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *